Térmica Baliza, a óleo de palma, pode abrir caminho a novos projetos

Em construção por Brasil BioFuels (BBF) e Nova Engevix, usina terá 17,6 MW e suprirá parte da demanda de Roraima, também com uso de bagaço

A termelétrica Baliza, em construção no estado de Roraima pela Brasil BioFuels (BBF) e Nova Engevix, e a primeira a utilizar óleo de palma em conjunto com a biomassa da planta como fonte de energia em substituição ao diesel, pode abrir caminho para outros projetos de geração semelhantes na Amazônia. Os novos investimentos devem contribuir…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também
Abrir Whatsapp
Precisa de Ajuda?
Olá! posso te ajudar?