Subsídios à migração da baixa tensão via CDE podem crescer em R$ 10 bilhões por ano

MME estima que com abertura do mercado subsídios para venda da energia incentivada à baixa tensão equivaleriam a quatro vezes o valor do recurso para baixa renda

A migração de consumidores de baixa tensão ao mercado livre pode triplicar o custo dos subsídios tarifários que são oferecidos atualmente aos consumidores especiais. Segundo estimativas do MME, o impacto poderá superar em mais de R$ 10 bilhões por ano, valor quatro vezes maior do que é oferecido aos 10 milhões de consumidores que hoje…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também
Abrir Whatsapp
Precisa de Ajuda?
Olá! posso te ajudar?