Solução para crise hídrica passa por fontes renováveis, diz Barata

Ex-diretor geral do ONS defende que usinas solares e eólicas são melhores alternativas do que térmicas a gás natural, pela rápida instalação e custo baixo

Para o ex-diretor geral do ONS, Luiz Eduardo Barata, a solução para a atual crise hídrica depende da contratação de usinas solares e eólicas. Ele defende a alternativa por sua rápida instalação, custo relativamente baixo, atendimento às necessidades do sistema, baixo impacto ambiental e geração de empregos praticamente imediata. “Seis GW de térmicas a gás natural…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também