MME transfere universalização para sucessora da Eletrobras

ENBPar terá 12 meses para assumir operacionalização dos programas de universalização Mais Luz para a Amazônia e Luz para Todos

O MME transferiu para a futura ENBPar a operacionalização dos programas de universalização de energia elétrica Mais Luz para a Amazônia e Luz para Todos, de acordo com a Portaria 556/2021, publicada na edição desta quarta-feira (13/10) do Diário Oficial da União. O prazo para a estatal assumir a operacionalização é de um ano. Segundo…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também