MME descarta, de novo, recriar horário de verão

Aplicação do horário de verão não produz resultados na redução do consumo, nem da demanda máxima, ou na mitigação de riscos de déficit de potência, diz MME

O MME descartou mais uma vez o retorno do horário de verão, medida pleiteada por setores da economia como ferramenta de combate à crise hídrica. Segundo o MME, a aplicação do horário de verão não produz resultados na redução do consumo nem na demanda máxima, nem mesmo na mitigação de riscos de déficit de potência.…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também
Abrir Whatsapp
Precisa de Ajuda?
Olá! posso te ajudar?