Leilões A-5 e A-6 devem contratar volume mais expressivo de energia, prevê MME

Certames A-3 e A-4 devem ter aquisições mais discretas, por causa da sobrecontratação de distribuidoras, afirma Marisete Pereira, que alerta para manutenção da expansão

A secretária-executiva do ministério, Marisete Pereira, disse estar confiante na contratação mais expressiva nos leilões de energia nova A-5 e A-6, previstos para setembro. Mas para os certames A-3 e A-4, ela não vê uma compra mais elevada pelas distribuidoras, que ainda se vêem às voltas com a sobrecontratação. Ela frisou que hoje o mercado…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também