GD pode gerar R$ 173 bi em economia até 2050, diz Absolar

Associação alega que atributos positivos da geração distribuída solar superam, com folga, eventuais custos aos consumidores brasileiros 

A geração distribuída solar fotovoltaica pode trazer uma redução de custos de mais de R$ 173 bilhões para o país até 2050, calcula a Absolar. A conta considera R$ 150 bilhões de benefício com a redução de custos no uso de termelétricas e R$ 23 bilhões de economia em perdas elétricas na transmissão, distribuição e…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também