ESS em 2021 já supera total pago pelos consumidores no ano passado

Projeção até 22/04 é de R$ 4,426 bilhões, quase 20% a mais do que o total desembolsado em 2020; custo tem relação direta com geração fora da ordem de mérito

Os consumidores terão mais ônus nas contas de luz com tendência de maior geração termelétrica em 2021, fruto das medidas operativas com a finalidade de preservar o armazenamento dos reservatórios das hidrelétricas no país. O valor gasto em 2021 com os Encargos de Serviços do Sistema (ESS) já supera o total despendido em 2018 e…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também