Eletronuclear declara vencedor consórcio que iniciará retomada de obras de Angra 3

Consórcio formado pelas empresas Ferreira Guedes, Matricial e ADtranz apresenta proposta de R$ 292 milhões para atividades do Plano de Aceleração do Caminho crítico da usina

O consórcio formado pelas empresas Ferreira Guedes, Matricial e ADtranz foi declarado nesta sexta-feira (23/07) vencedor pela Eletronuclear na licitação para contratar empresa responsável pela retomada das obras de Angra 3, dentro do chamado Plano de Aceleração do Caminho Crítico da usina. O plano tem como objetivo realizar atividades que são consideradas importantes. A Eletronuclear…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também