Documento falso é “inadmissível”, dizem diretores da Aneel sobre leilão de LTs

Diretoria mantém desclassificação da Agronegócio Altaluz, rechaça alegação de que foi mera irregularidade e critica duramente empresa por apresentar LTN falsa

Inadimissível. Essa foi a palavra mais usada pelos diretores da Aneel ao julgar recurso apresentado pela Agronegócio Altaluz, vencedora do leilão de linhas de transmissão ao arrematar o lote 1, e que apresentou uma Letra do Tesouro Nacional (LTN) falsa, sendo inabilitada pela secretaria responsável pelo certame. A Aneel manteve a desclassificação da empresa, que…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também