BNDES financia R$ 189,9 milhões para projeto híbrido no Piauí

Joint venture entre Votorantim Energia e Canada Pension Plan Investment Board é responsável por construção de usina solar dentro do complexo eólico Ventos do Piauí I

O BNDES aprovou financiamento de R$ 189,9 milhões para a implantação do primeiro parque de geração de energia elétrica híbrida no Brasil, unindo as fontes eólica e solar. O projeto-piloto é da Sol do Piauí Geração de Energia, controlada pela VTRM Energia e Participações, uma joint venture entre a Votorantim Energia e Canada Pension Plan…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também