Notícias diárias e fatos da indústria de Energia e Gás downstream.

Apreensão global

EUA, França e China decidiram estudar a fundo as ocorrências em Fukushima para fazer adaptações em seus respectivos programas nucleares

EUA, França e China decidiram estudar a fundo as ocorrências em Fukushima para fazer adaptações em seus respectivos programas nucleares. O instituto de pesquisa de tecnologia de energia nuclear chinês (CNPRI, na sigla em inglês), por exemplo, assinou em junho uma parceria com a Areva para desenvolver um novo modelo de reator naquele país. Por…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês.

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também