Após CMSE, geração térmica entra em queda e hídrica em alta

Desde último sábado, geração térmica vem caindo e importação desceu a zero, enquanto hídricas voltam a ficar acima de 50% da geração total

Como consequência da sugestão apresentada pelo ONS na reunião do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) da sexta-feira (12/11), e acatada pelo comitê, a geração térmica vem caindo desde o sábado (13/11), e as importações desceram a zero a partir do dia 14/11. Ao mesmo tempo, a geração hidráulica nacional voltou a ficar acima…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também
Abrir Whatsapp
Precisa de Ajuda?
Olá! posso te ajudar?