Aneel cassa registro de sete PCHs de empresa da família de Ronaldo Caiado

Usinas que totalizam 143,4 MW seriam implantadas no rio Tocantinzinho e pertence à Rialma; PCHs sofrem questionamentos ambientais

A Aneel publicou nesta terça-feira (12/01) o Despacho nº 3.660, que cassa o Registro da Adequabilidade do Sumário Executivo (DRS-PCH) e o Registro de Intenção à Outorga de Autorização (DRI-PCH) de sete projetos de PCHs, totalizando 143,4 MW de capacidade instalada. Entre os projetos estão quatro usinas no rio Tocantinzinho, somando 110,9 MW, localizadas na…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
Leia também